Notícias

Cargas e tacógrafos de caminhões são fiscalizados em Juiz de Fora, MG

setembro 22, 2015 Tags: , , , ,

Balancas-Fiscalizacao-Caminhoesm-Ipem-MG

Começou nesta segunda-feira (21/set/2015) em Juiz de Fora uma operação conjunta entre a Polícia Militar Rodoviária (PMR), o Departamento de Estradas e Rodagens (DER) e o Instituto de Pesos e Medidas (Ipem). O objetivo é fiscalizar tacógrafos de caminhões. Se não forem trocados ou não conterem as informações corretas do condutor e do percurso, o motorista pode ser multado. A infração é grave, dá cinco pontos e multa de R$127,69.

O trabalho acontece em áreas que têm balança de pesagem. Nos próximos dias, algumas delas, como a instalada em Goianá, vão passar a funcionar durante 24 horas. Outras entram em regime de rodízio, operando a cada 12 horas.

Esta é a primeira vez em 2015 que uma operação reúne os três órgãos em um trabalho de fiscalização. A PMR informou que o foco das equipes são os documentos e equipamentos de porte obrigatório dos veículos. No caso do DER, a função é checar se algum caminhão trafega com peso em excesso.

Já o Ipem confere se os veículos de transporte de carga têm o tacógrafo. O equipamento é um disco que armazena dados como o percurso, velocidade, tempo decorrido e horas paradas. Como se fosse a caixa-preta de um avião. As multas em caso de irregularidades podem chegar a R$1 mil.

Mesmo sendo algo importante, as autoridades afirmam que têm sido comum encontrar caminhoneiros que não instalam ou não renovam o tacógrafo, que dura por 24 horas ou sete dias. Um dos que foram abordados não tinham o disco certificado pelo Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro).

Veja a reportagem na íntegra:

Fonte: TV Integração (MG – Rede Globo) via Portal de Notícias G1


Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *