Notícias

Mesmo com subsídio, preço do diesel nas refinarias sobe pelo segundo mês


O preço do diesel nas refinarias vai subir entre 2,57% e 2,72% a partir de domingo (30), quando se inicia novo período da terceira fase do programa de subvenção criado pelo governo para encerrar a greve dos caminhoneiros, em maio.

Os novos valores foram divulgados pela ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás e Biocombustíveis) e valerão até o dia 29 de outubro, de acordo com as regras da subvenção. A alta reflete a desvalorização cambial e o aumento das cotações internacionais.
De acordo com a,, o litro do diesel vendido pelas refinarias do sudeste, por exemplo, passa a custar R$ 2,3902 no domingo, 2,69% ou R$ 0,0625 acima do praticado atualmente. A maior alta ocorrerá na região norte: 2,76% ou R$ 0,0616, para R$ 2,2897 por litro.

Criado no fim de maio, o programa de subvenção garante ressarcimento de até R$ 0,30 por litro no preço de venda por refinarias e importadores, que se comprometerem a vender o produto por valores tabelados pela ANP.

Os valores são alterados a cada 30 dias, de acordo com a variação das cotações internacionais e do câmbio no mês anterior. Em agosto, quando a regra atual passou a vigorar, também houve aumento, de 13%, em média no país.

Com a alta do diesel nas refinarias, o preço de bomba do produto já é equivalente ao praticado antes da paralisação dos caminhoneiros. Na semana passada, o preço médio nos postos brasileiros era R$ 3,640, apenas R$ 0,018 abaixo dos R$ 3,658 vigentes na última semana de maio, já corrigidos pela inflação.


Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *