Notícias

Filme Bloqueio é novo olhar da greve dos caminhoneiros

Com direção de Victória Álvares e Quentin Delaroche, longa-metragem será exibido, nesta terça-feira (18/9), no Festival dos Festivais em Brasília

A greve nacional dos caminhoneiros, realizada em maio deste ano, é o mote do longa-metragem Bloqueio. Dirigido por Victória Álvares e Quentin Delaroche, o documentário estreia na Mostra Competitiva do 51º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro, nesta terça-feira (18/9), no Cine Brasília (106/107 Sul), às 21h. “A gente acredita na urgência de projetar esse filme e esperamos que ele viabilize o diálogo neste Brasil cada vez mais polarizado”, ressalta a cineasta Victória Álvares.

Victória e Quentim estavam em casa vendo os noticiários quando perceberam que aquele poderia se tornar um fato histórico para o país, como de fato aconteceu. “Pegamos as câmeras, alugamos um carro e passamos os últimos três dias de protestos com eles”, relembra Quentin.

De acordo com os diretores, uma das preocupações era ter uma abordagem diferente dá vigente nos meios de comunicação à época. Segundo eles, enquanto a mídia focava no desabastecimento causado pelo movimento, eles queriam entender as motivações.

“Nós fomos lá para ouvir, sem preconceitos, sem ideia pré-concebida. Entender os anseios daquela classe trabalhadora”, afirma Victória. Apesar das boas intenções, quebrar o “bloqueio” e desconfiança dos caminhoneiros não foi tarefa das mais fáceis.

“Eles tinham aversão a qualquer mídia, mas quando entenderam que estávamos ali para documentar, nos receberam melhor. Chegamos a dormir nas boleias dos caminhões”, completa.
Movidos pelo desejo de registrar os fatos, os profissionais rechaçam a ideia de demonizar ou enaltecer a paralisação. Buscam trazer o olhar de dentro da situação. “É uma forma de exercer a simpatia pelo outro, independentemente da divergência de pensamentos”, conclui Victória.

Serviço:

51º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro
Nesta terça-feira (18/9), a partir das 21h, no Cine Brasília (106/107 Sul). Mostra Competitiva: Conte Isso Àqueles que Dizem que Fomos Derrotados (MG/PE, 23min, livre) e Bloqueio (PE/RJ, 75min, 12 anos). Preço: R$ 12 (inteira) e R$ 6 (meia). Valores sujeitos a alterações sem aviso prévio. Informações: (61) 3244-1660 ou festivaldebrasilia.com.br

Fonte: Portal de Notícias Metrópoles

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *